por Anibal / Família Costa
5 Média 53
O que você achou desta mensagem?
@
@
Para enviar esta mensagem para mais de um(a) amigo(a), separe os endereços de e-mail por virgula. Você também pode adicionar uma mensagem




Eu tinha que ter... Tinha que ter você
Mesmo sem ver... Já te queria inteiro
Como pudera um pedacinho de mim
Se converter num meninão tão lindo

Mesmo sem ter... Mesmo sem ter o sol
Quero te dar luz por toda essa vida
E se há sempre um vão
Entre o que eu quero e o que eu posso fazer
Que ao menos haja sempre uma saída

Parece que vou voar a imensidão de um céu
Antes de viajar nesse mundo azul
Prometo que vou te dar
Toda parte e tudo que for meu
Você e eu, num infinito bom

Parece até conto de fadas
Te carregar dentro por tanto tempo
Mesmo depois, fica um pedaço em mim
Que não dá pra ver, mas que faz pensar tanto em você

Vai demorar um pouco pra eu aprender
Como se faz essa aventura louca
Pois ainda bem que tem teus olhinhos olhando pra mim
Que um riso novo sai da tua boca

Autor: Anibal / Família Costa
Faixa: Infinito Bom /Álbum: O Espetáculo Mais Doce da Terra
www.infinitobom.com

Recomende esta mensagem

"A maior caridade que podemos fazer pela Doutrina Espírita é a sua divulgação."

Chico Xavier & Emmanuel





Deixe seu comentário!